Psicografia

A farsa da psicografia feita pelos médiuns

Sessão de psicografia

Certa vez, revelei a um crente que sou ateu. Um tanto quanto surpreso, após algumas indagações, ele me perguntou o que explicaria cartas psicografadas. Não seriam provas definitivas da existência de espíritos?

Naquele instante, ficou muito clara a diferença entre o modo de pensar de um cético e de um crente. Para esclarecer como é possível um espírito escrever através de um médium é necessária uma miríade de explicações. Já para alguém mais materialista, por assim dizer, as explicações não precisam ir tão longe nem dar tantas voltas. O diálogo acabou mais ou menos assim:

- Como você explica, então, que o Chico Xavier psicografasse detalhes tão precisos do morto?
- Bom, se os detalhes eram assim tão peculiares, então alguém [bem vivo] passou isso para o médium.

A conversa acabou mais ou menos por aí, mas depois eu quis saber se havia alguma evidência ou, ao menos, algum testemunho que indicasse que a psicografia está mais para charlatanismo do que espiritualismo. Felizmente, eu encontrei o vídeo abaixo. Muitos já devem ter conhecimento do mesmo e, talvez, do conteúdo (já foi falado um pouco a respeito aqui no Bule). Mas vale a pena ver de novo.

Waldo Vieira, que trabalhou com Chico Xavier por mais de 10 anos denuncia: as psicografias são espetáculos montados para atrair público. É tudo uma grande farsa. Um assistente do centro espírita entrevista o parente do morto e repassa as informações detalhadas para o médium “psicografá-las”.

No ótimo site “Obras Psicografadas” tem abundante material contestando a veracidade desta prática, mas aqui vou frisar um trecho que me interessa, onde o jornalista Marcel Souto Maior nos mostra o que ocorre ANTES das sessões de psicografia:

É ali, atrás de uma mesa de madeira, que Baccelli [médium] atende os candidatos a receber uma mensagem do além. Estes encontros se sucedem a partir das cinco da manhã, uma hora e meia antes do início da psicografia.

Durante as conversas, quase sempre ligeiras, Baccelli pede mais detalhes aos visitantes sobre seus entes queridos e as circunstâncias da morte. Informações como nomes de avôs e avós são anotadas por ele, muitas vezes, em pequenos pedaços de papel, levados mais tarde até a mesa do salão principal, o palco da psicografia.

Interessante que muitas das obras feitas por Baccelli estão à venda no site dele. Mais um deboche da ingenuidade alheia.

Pior ainda, é que obras psicografadas vêm perigosamente sendo consideradas como instrumentos jurídicos no Brasil. Um dos casos mais recentes registrou-se em maio de 2006, em Porto Alegre (RS), tendo a ré, Iara Marques Barcelos sido inocentada do assassinato do ex-amante, Ercy da Silva Cardoso, graças a uma carta que teria sido ditada pelo falecido. Mais recentemente, em 17 de maio de 2007, o julgamento do réu, Milton dos Santos, pelo assassinato de Paulo Roberto Pires (o “Paulinho do Estacionamento”) em abril de 1997, foi suspenso devido a uma carta recebida pelo médium Rogério Leite em uma sessão espírita realizada em 2004, na qual Paulinho inocenta o acusado. Fotografias da sessão espírita foram anexadas aos autos do processo.

No entanto, o advogado Roberto Selva da Silva Maia indicou em um artigo que os documentos psicografados podem ser aceitos no tribunal como documento particular, mas não como prova judicial. Isso se dá porque a lei estabelece que a morte extingue a personalidade humana, logo um morto não poderia gerar documento legal. Segundo, a psicografia depende da aceitação de premissas religiosas, e o judiciário não é religioso visto que nosso estado é laico e, por fim, não haveria forma de se usufruir do princípio do contraditório e da ampla defesa.

Mesmo ante tantas evidências, crentes continuarão crentes. Eles têm o direito de enganar e serem enganados para sustentar sua fé. Mas nunca podemos deixar isso ultrapassar o limite do fantasioso e afetar o mundo real.

Mãe com carta psicografada do filho: vale enganar para dar alento às pessoas?

Compartilhar

  1. JoseJose01-17-2013

    Se você acha que a psicografia é uma farsa mesmo, porque não tira a prova antes de ficar publicana asneiras na internet?
    Vá a uma sessão de psicografia e faça o teste você mesmo. Busque noticícias de um parente seu se é que tenha algum! Não diga nada a ninguém e vê no que dá! Psicografia não é religião são provas incontestáveis da existência da alma após o desencarne até os tribunais já aceitam isso..

    • FERNANDAFERNANDA06-04-2013

      Psicografia é uma prova viva, que ainda existe vida qdo passamos para outro lado. Acredito! Deus usa as pessoas que obtêm o dom para revelações fantásticas e acalma nossos corações dos entes queridos que partem e estão partindo…

    • ElaineElaine07-12-2013

      A psicografia é verdadeira sim, a letra de quem está psicografando é bem parecida com a do espírito. O que de fato acontece é que pessoas querem por em dúvida a nossa fé. Pois algumas coisas podem não ter relações com a explicação cientifíca, o que não seja motivo de dúvidas. Ainda a ciência não consegue explicar o que há no invisível, por isso o motivo de questionamento. Mas existem pessoas que tem muita mediunidade e pode manter a comunicação com os desencarnados dando detalhes de sua vida.

    • ClaudinoClaudino09-29-2013

      Provas incontestáveis? cadê? onde estão? por favor me ilumine NUNCA vi uma psicografia, seja de Chico Xavier ou outro medium qualquer ser confirmada cientificamente, pelo contrário, refutam-se TODAS as psicografias ja feitas, então amigo, saia desa visão obscurecida que tem a respeito, estude mais METODOLOGIA CIENTIFICA e se esclareça a respeito, mas por favor, PARE DE MENTIR sobre assuntos IMPROVÁVEIS CIENTIFICAMENTE ok?

      • danieladaniela10-08-2013

        Claudino, acho que vc nao tem sorte (se é que posso usar esse argumento com vc rs). Acho que vc nem estuda ou pesquisa, morri de rir do que vc escreveu, muita asneira mesmo. O que é ciencia para vc? Oras, ate a NASA pesquisou Chico. Vc é mal informado. Espera alguem da sua familia morrer e corre para um médium que nao te entreviste (tem alguns viu)

      • LanaLana10-30-2013

        Eu já fui espírita. Hj sou cética…e como advogada, é um absurdo usar psicografias no judiciário.

    • LuizLuiz01-29-2014

      O único tribunal que já aceitou isso foi o júri, porque é formado de pessoas do povo – que não precisam fundamentar suas decisões. São os únicos "juízes" que não precisam fundamentar suas decisões, e que podem se basear nas suas crenças, intuições etc.

    • LeticiaLeticia04-19-2014

      Esse cara é um ridículo pobre coitado, se acha dono da razão sem nem ao menos pesquisar diretamente nas fontes, Óbvio que se ele consulta fontes que negam, ele terá esse tipo de informação. Esse tipo é o que corre mas rápido pra doutrina.

  2. MentorMentor01-22-2013

    Ele falou tão superficialmente de uma coisa tão profunda, que vai muito além de cartas para parentes, é como se um garoto passasse curativo numa ferida e já dissesse que sabe tudo de medicina. São livros inteiros psicografados, com estilos e linguagens dos autores, são poemas, textos científicos e da mais alta moralidade, além do mais para que Chico xavier iria fazer isso? Se ele viveu e morreu pobre? Sendo que se ele reivindicasse a autoria das obras ele estaria milionário? Eu tenho absoluta convicção que a psicografia de Chico Xavier não é uma farsa.

    • synture hahamovicisynture hahamovici12-24-2013

      Sim, e além de uma abordagem meramente superficial, não está a levar em conta que NEM SEMPRE obras psicografadas o são ostensivamente, isto é, em presença de um público maior ou menor. Conheço gente que psicografa conteúdos seriíssimos, apresentando muita coisa boa e preciosa – agora, é fato, nossa mente pode, sim, " pregar-nos peças " principalmente por conta de um emocional eventualmente mais ou menos desequilibrado, bem como caso a pessoa se julgue superior ou infalível, e coisas assim – em verdade, a Mente é algo infinitamente complexo para os padrões ainda reducionistas e materialistas de hoje em dia, e a própria Física vanguardista já admite dimensões e universos paralelos, algo a ser levado muito a sério, mesmo. Recomendo, a propósito, aqui na web, esta leitura, excelente – acessem psicografia Vida Eternamente Viva. Muita Luz e Evolução em nossos caminhos, e em nós mesmos!!!

  3. NinguemNinguem02-02-2013

    Omitem que um perito em grafoscopia autenticou carta psicografada por Chico Xavier, omitem que a carta era em italiano e Chico nao sabia escrever naquela lingua.

    Qdo citou Marcel Souto Maior, somente falou da parte que o autor fez referência a investigação de Bacelli, mas omitiu as experiencias positivas com o Chico…

    É… Quando teremos verdadeiros céticos imparciais?

    Só posso concluir que assim como tem um grupo da fé, tem outro da descrença… em excesso nem um deles ajuda em nada…

    O autor me pareceu um deles.. nao contribuiu em nada para a ciência e para a verdade, somente defendeu (fracamente) seu ponto de vista e tentou usar de argumento que seria mais inteligente que os outros.

    • VânioVânio08-02-2013

      Questionar é um direito que assiste a todos nós, mas só pela sua arrogância Marie Louise de achar que quem acredita é ser inferior e você superior aos pobres e com pouca instrução seu ponto de vista é no mínimo despido de qualquer razoabilidade, consciência e sobriedade para não dizer despido de qualquer crédito. É lamentável quando você emite uma opinião com agressividade, aliás quando você chama essas pessoas de inferiores não será também fanatismo do qual você repudia? Está evidente a sua tirania, o seu desrespeito para com os menos favorecidos, o seu preconceito. Que coisa triste!

  4. NinguemNinguem02-02-2013

    O autor desse texto, lamentavelmente, tb usa da própia fé (na inexistencia) para tentar argumentar. Foi muito resumido, não usou de argumentos suficientes e pior, nem testou algo com alguma metodologia (esperada para quem se diz cético) para dar um parecer.

    Mas fez bonito (ao menos tentou) parecer ser inteligente e os que acreditam em algo que ele não, uns ignorantes.

    Lamentavelmente, no Brasil e no mundo, temos espiritas fanáticos e crentes demais, mas tb temos céticos ateus descrentes demais.

    Qdo iremos ter verdadeiros céticos neutros? Ou como poderemos chamar aqueles q nao tem fé alguma em nada, e pior, que nao querem acreditar em nada.

    Esses mesmos ignoram e omitem os fatos positivos e demonstram os negativos, afim de provar sua "descrença" para si mesmos.

    (continua)

  5. Marie LouiseMarie Louise02-07-2013

    Eu acho engraçado quando as pessoas dizem que Chico Xavier não enganava os outros porque morreu pobre.Oras,isto não é argumento.E se sua motivação pessoal fosse a fama,o estrelato,o ser eternamente adorado pelos espíritas do mundo todo,possuir discurso de autoridade,demonstrar sabedoria,ou sabe-se lá Deus o quê e não o dinheiro.
    Se ele forjava ou não,não sei porque não estava lá para ver.Porém, dizer que ele não era uma fraude porque morreu pobre não é uma argumentação válida,bem estruturada,com nexo…
    Enfim,tentar argumentar com gente pobre,ignorante,semi-alfabetizada,de baixa escolaridade(com o nível baixo da educação brasileira),fanáticos religiosos dentre outros seres inferiores,é impossível.

    • WHLMWHLM11-02-2013

      De uma olhada nos dados do IBGE, e veja o nível de instrução da população espírita Brasileira

  6. AlessandraAlessandra03-13-2013

    Não sou espírita, nem de religião nenhuma. Tampouco tenha plena convicção da vida após a morte, embora venha buscando informações a respeito e trilhando o caminho da espiritualidade. Por isso mesmo posso afirmar que se o autor do texto acima tivesse procurado minimamente informar-se veria que existem MUITAS coisas e fatos inexplicáveis com Chico Xavier e mundo afora nessa área. Texto superficial e tendencioso, melhor se ficasse calado.

  7. Ana SantosAna Santos04-28-2013

    E porque não acreditar que tudo é possível para além da morte e que podemos ter notícias do "alem"?Não será isso que nos mantém vivos?Na Fé QUE TEMOS DENTRO DE NÓS?seja qual for a religião?Pior é pensar que quando morrer irei estar a uns palmos de terra e que a minha passagem por esta vida não serviu para nada?Eu sei que não poderei sentir o meu corpo,mas sim a minha alma e o meu espírito,porque ja senti na pele, em momentos de angustia "algo" que me transcende,mas que me acalma…E o mundo não é só dos vivos,é também dos que partiram e que de certa forma estarão sempre em contacto connosco,seja através da escrita,nos sonhos ou até mesmo do toque.Todos nós temos que acreditar em algo…

  8. Alex RibeiroAlex Ribeiro05-28-2013

    A Internet é Uma coisa maravilhosa e também Muito perigosa, pois, permite que pessoas sem o menor preparo possam escrever tantas besterias como se fosse uma matéria jornalística de um conceituado repórter investigativo.
    Por favor, leia um pouco mais sobre o que você pretende escrever e defenda sua tese com provas, não com preconceitos, assim como a justiça que aceitou a carta psicografada por Chico Xavier, para inocentar um réu, ela só o fez após exames científicos que comprovaram ser autêntica.
    É simples assim…

  9. lobatolobato05-30-2013

    Existem pesquisadores e estudiosos que afirmam ser a psicografia um caso de ilusão ou fraude, no entanto, ninguém até o momento conseguiu comprovar que as obras psicografadas por médiuns que fazem parte do movimento espírita sejam fraudes. Carlos Augusto Perandréa (professor adjunto do Departamento de Patologia, Legislação e Deontologia da Universidade Estadual de Londrina, Estado do Paraná, e criminólogo e perito credenciado pelo Poder Judiciário) estudou as assinaturas dos textos psicografados por Chico Xavier utilizando as mesmas técnicas com que avalia assinatura para bancos, polícias e o Poder Judiciário, a grafoscopia. O resultado do seu estudo indicou que as assinaturas dos desencarnados nos textos psicografados eram idênticas às assinaturas destes quando vivos.

  10. AnaAna06-19-2013

    Querido,
    Quando nos propomos a analisar uma situação a partir do princípio cético, precisamos adotar a neutralidade. Isso significa que não inclinamos para o SIM e não inclinamos para o NÃO. O mundo espiritual é composto por diversos espíritos dos mais variados graus de adiantamento. Muitos, inclusive, habitam o nosso meio, sugerem pensamentos, repassam emoções. Isso significa que até o mais belo intencionado médium pode sofrer influência de amigos espirituais pouco desenvolvidos, inclinados para a brincadeira e a confusão. Mas isso não atesta que não existam, atesta que precisamos nos recolher no cuidado mediúnico, desenvolvendo, antes de tudo, o amor a Deus e à caridade. Há diversos centros espíritas espalhados pelo país que realizam trabalhos muito bonitos, se você possui o interesse de se instruir ou de "tirar curiosidades", aconselho a frequentar algum deles, algum sério, para sentir por si mesmo e ver por si mesmo. Aliás, a mediunidade está presente em todos nós, nunca possuiu um pensamento intuitivo?
    Que uma lição fique clara, para ser guardada em seu coração daqui em diante: tudo o que é sério e diz respeito à vontade de Deus, trará bons sentimentos, boas sensações e conforto ao coração. Leigos, espíritas, médiuns e ateus poderiam se atentar a isso, ao invés de se prenderem a questões que, tendo em vista as limitações do ser humano, podem demorar muito a serem respondidas (ao menos o tempo em que nos encontramos encarnados). Por isso, independente de crer em Deus, espíritos, psicografia ou reencarnação, carregue o amor dentro de seu coração, a fraternidade e a caridade e estará exercendo o melhor de si.

  11. NickeNicke07-03-2013

    Opinião pessoal não muda a realidade da criação divina, tudo passa menos a obra de Deus….

  12. RicardoRicardo07-19-2013

    Por gentileza, onde está a identificação do(s) autores e a referência (aceitável) de suas afirmações ?
    O espiritismo nos ensina a fé raciocinada, e precisamos de provas, fatos e evidências tanto para crer, ou para "passar" a descrer.

  13. AnonimoAnonimo08-13-2013

    Cara você pode ser ateu ou o que quiser ser, mas ser ignorante já é demais…
    Seu ceticismo passou de todos os limites com este seu post sem fundamento.
    Somente me resta orar por você, que pelo que percebo está cego na escuridão.
    Lamentável…

  14. BonfimBonfim08-17-2013

    Assitir o filme "MInha Vida na Outra Vida", fato real (Norte Americano) da existência das vidas sucessivas.

  15. HugoHugo08-17-2013

    Recebi uma Carta Psicografada e não fui entrevistado, não falei com ninguém, estava em um Estado Brasileiro desconhecido, não fui atrás de Psicografia, somente queria abraçar o Chico e fazer turismo em Uberaba. Recebi a maior revelação (confimração) da minha vida uma Psicografia de minha Avó com mais 04 nomes de familiares inclusive o nome de uma vizinha minha desencarnada que nem lembrava mais de sua existência quanto mais do seu nome, quando na minha Psicografia ela (avó) relatou que estava na companhia da mesma – e pude perceber que era minha vizinha. Chamou minha mãe por um nome que só ela falava e que por sinal eu nem gostava do apelido. Enfim, a psicografia é muito complexa para renegá-la com uma simples análise. É preciso anos de estudo para depois apoiar ou criticar.

  16. HugoHugo08-17-2013

    Detalhe que esqueci de dizer: Estava sozinho naquele Estado – Minas.

    • ElieteEliete10-18-2013

      Eu acredito q possa ter este contato sim, e acontece quando nossos entes queridos q desencarnam estão preparados para passar uma mensagem. Fico feliz por vcter dado sua opinão aqui…e os que não acreditam , por favor não critiquem …pois a fé, esperança, e luz está em todas as religiões. Nosso Pai, "DEUS" está em cada coração, canto, lugar.

  17. RosembergRosemberg10-22-2013

    Nobre irmão,

    Apesar de seu texto ser de uma ingenuidade tamanha, quando alguns amigos falam em evidencias CIENTIFICAS quanto a veracidade das psicografias, registro que alguns estão pouco informados sobre o tema, pois um dos maiores grafoscopistas do pais, Dr. Carlos Augusto Perandréa. Para se ter uma ideia, o Dr Carlos é Perito Judiciário em Documentoscopia, Bacharel em Direito, Criminólogo, Documentoscopia e Grafoscopia Credenciamento com o Poder Judiciário de Londrina, Formador de Professores e Instrutores de Grafoscopia, Professor de Grafoscopia e Datiloscopia tendo realizado trabalhos de Perícias para o Ministério da Previdência e Assistência Social, Perícias para o Ministério do Exército, Perícias para a Secretaria de Segurança Pública, Perícias para Universidades, Perícias para Bancos Oficiais e Particulares, etc… e o seu extenso currículo irrefutável pode ser melhor visualizado em: http://perandrea.adv.br/ , pois se não eu gastaria todo o comentário falando sobre o prestígio deste profissional no Brasil. Ele douto pesquisador tem anos de trabalho, sem haver em sua carreira uma sequer contestação verídica de seus laudos. Este mesmo senhor é autor do livro A Psicografia à Luz da Grafoscopia, onde, apos estudar dezenas e dezenas de caras psicografadas conclui pela autenticidade das mesmas. Agora não é mais, como você diz, a "simples fé" se pronunciando e sim a Ciência.
    Ademais, meu nobre irmão, se fosse como você diz sobre coletar informações antes de psicografar as cartas, essa farsa se sustentaria por 10 ou 20 cartas, mas impossível se faz como mais de 2.000 como é o caso e por toda uma vida. E não era uma ou duas cartas por dia, e sim dezenas e dezenas.. mesmo conhecendo previamente as histórias, impossível se faz decorá-las todas diariamente em intervalo tão curto. A razão nos indica isso.
    Bom, espero que você seja bom para o próximo, desapegado dos bens materiais, benevolente, caridoso e saiba perdoar as pessoas quantas vezes necessário se fizer, pois você não precisa acreditar em Deus não, apenas siga as Leis morais deixadas pelo Cristo. Assim você já estará anos luz a frente de milhares e milhares de espíritos ateus e agnósticos que se manifestam diariamente em nossas reuniões mediunicas com tanto rancor e magoa no coração por ter se deixado levar pela crença na existência do “nada”. Muitos deles revoltados ao extremo com com amigos e familiares dos qual jugam ter recebido essa influencia negativa que os levaram a não acreditarem em Deus.
    Como diz o nobre palestrando Nazareno Feitosa, acreditar na vida formada ao acaso, é semelhante a acreditar que se lançássemos uma bomba em uma biblioteca e essa bomba fosse capaz de espalhar todas as letras e números e esperarmos que esse biblioteca se refaça, com sua perfeição das obras, fruto de um simples acaso ou coincidência. Pense nisso.
    Caso queiram mais eventos científicos, segue abaixo um brilhante estudo de caso.

    Abraço fraterno a todos.

    • RosembergRosemberg10-22-2013

      João Ascenso, psicólogo e pesquisador do Rio de Janeiro, ex-mestrando do King´s College de Londres, deu uma série de palestras em Londres e nos Estados Unidos, no mês de junho, sobre um estudo que traz prova científica sobre informações fornecidas no livro “No Mundo Maior”, de André Luiz. Na obra, publicada em 1947, o mentor de André Luiz, Calderaro, explica que o cérebro se divide, de acordo com suas funções, em três partes.
      A parte anterior, ligada à medula, guarda o arquivo do passado, das experiências acumuladas em sucessivas reencarnações. É a parte do cérebro responsável pelas funções instintivas, mais materiais.
      A parte central é a que tem maior atividade. É o presente, onde se processam as informações necessárias para o agora, o aprendizado, o trabalho. A parte da frente, posterior, é ativada quando temos sentimentos mais nobres, de caridade, amor, fé.
      Em suma, nosso cérebro guarda em si as experiências do passado, nos permite aprender e trabalhar no presente e abriga também os sentimentos mais nobres, que nos levam a um futuro de evolução espiritual.
      Ascenso destacou em sua palestra que pouco ou nada se sabia em 1947 sobre as funções dessa parte posterior do cérebro. O próprio mentor Calderaro faz referência no livro psicografado por Chico Xavier ao desconhecimento da ciência da época sobre esse assunto. Pouco a pouco, as funções do cérebro foram sendo desvendadas, mas Ascenso diz que só no ano de 2006, quase 60 anos depois da obra de André Luiz, surgiu o primeiro estudo comprovando cientificamente o que havia sido revelado pela espiritualidade no pós-guerra. João Ascenso estava nos Estados Unidos e tomou conhecimento do estudo, feito por um grupo de cientistas sem nenhum conhecimento espírita, entre eles o brasileiro Jorge Moll Neto.
      A experiência foi feita do seguinte modo: um grupo de voluntários foi submetido ao processo de ressonância magnética funcional do cérebro. O que André Luiz e Calderaro conseguiam ver com sua visão aperfeiçoada – o funcionamento do cérebro – foi monitorado através da mais moderna tecnologia.
      Os voluntários responderam a três perguntas, apertando um botão para optar entre sim e não:

      1 – Você gostaria de receber uma quantia em dinheiro, agora, de graça?

      2 – Você gostaria de fazer uma doação para instituição de caridade? Mas é uma doação só em intenção, só para fins deste estudo, você não vai precisar desembolsar o seu dinheiro.

      3 – Você gostaria de fazer uma doação de verdade para instituição de caridade? O dinheiro (mais de US$ 100) vai ser retirado da sua conta.

      Nos três casos, verificou-se que a parte do cérebro responsável pelo prazer sensorial (sexo, consumo de chocolate, café, drogas) dos voluntários que responderam “sim”, foi ativado. Ou seja, para o organismo não há diferença entre o prazer sensorial e o prazer espiritual. Ao fazer uma doação, você se sente tão bem do ponto de vista físico como ao ganhar dinheiro ou comer chocolate. No caso da doação formal, sem dispêndio, houve ativação no cérebro também de parte do cérebro ligada ao amor entre pais e filhos.
      O resultado surpreendeu os cientistas, que ofereceram a seguinte explicação: este é um sentimento de extensão do amor filial. Você ao ajudar alguém está de certa forma reproduzindo o sentimento de amor e apego pelos próprios filhos.
      Ascenso disse que esta descoberta é mais uma prova da beleza e acuidade científica dos ensinos de Jesus Cristo. É o amor universal, é o que Cristo queria dizer quando ensinou que devemos amar a todos como irmãos, que o amor não deveria ser exclusivo aos nossos familiares mais próximos.
      A parte final da pesquisa é a comprovação que faltava à ciência para os ensinamentos de Calderaro a André Luiz, na década de 40. O estudo mostrou que a pessoa, ao fazer uma doação à instituição de caridade, ao fazer o bem de verdade, tirando do próprio bolso, ativa a parte mais frontal do cérebro (além de ativar o centro de prazer e a parte relativa ao amor entre pais e filhos). A parte mais posterior do nosso cérebro é ativada, a parte relativa aos sentimentos mais nobres do ser humano. “É o que São Francisco de Assis quis dizer com sua máxima – é dando que se recebe. Ao doar, você se beneficia, se sente bem.” As descobertas do estudo foram publicadas em artigo na primeira página do conceituado jornal norte-americano, Washington Post, na ocasião. Só em 2006 a ciência comprovou o que o Espiritismo revelou em 1947.

    • CristianeCristiane05-21-2014

      Ótima resposta!

  18. EduardoEduardo10-30-2013

    Caro amigo Rosemberg, se o autor do texto e os outros visitantes contrários ao espiritismo e
    à psicografia, leram seus comentários, devem estar muito envergonhados, e não mais dirão nada a respeito do que não entendem.
    sou espírita, e iria fazer alguns comentários, mas depois da sua postagem não há mais necessidade. só se deve debater sobre um assunto com conhecimento de causa, e foi o que você fez.

  19. edialedaedialeda11-04-2013

    estou louca atras de um medio que possa me enviar uma pessiprografia da minha irma que faleceu en um tragico acidente que conhecer um lugar onde posso ir em uberaba mg me indique estou desesperada por alguma coisa que ela possa me dizer nao me conformo com a morte dela

  20. Tiago LopesTiago Lopes11-05-2013

    O meu querido irmão, os desamores e frustrações o fizeram assim, esqueça tudo o que viu, e vem participar conosco de algo que valera a pena, esqueça as derrotas e as retiradas deste mundo, aprenda a ser algo maior que uma simples opinião, esqueça, muitas vezes os acontecimentos em nossas vidas são situações de mero aprendizado e por isto não pode ser explicado e sim sentido, vá em busca de sua resposta e você a terá.

  21. Daltro PintoDaltro Pinto11-11-2013

    Se é farsa não é psicografia.

  22. Daltro PintoDaltro Pinto11-11-2013

    A verdade só se revela a cada inteligência na medida em que esta pode reter. Não é o caso do autor (ateu) desse comentário.

  23. PauloPaulo11-28-2013

    A vida ensina…mas cobra caro! Estas pessoas so aceitarão quando encontrarem com a verdade, deveriam ir a uma sessão de psicografia, e como muitos que vão desacreditando e recebem uma carta psicografada caem no choro….

  24. ClaudioClaudio12-16-2013

    Não tenho religião. Nem sinto falta disso. Mas, sinceramente, eu luto para não deixar de acreditar em alguém(Deus), ou em alguma coisa. Mas, a definição de fé, diz: ter fé, é acreditar naquilo que não se vê. E eu precisaria ver, para acreditar. Se Jesus levantou do túmulo e foi-se à pé embora, eu precisaria ter visto, do contrario, é plausível que qualquer um tenha retirado os restos mortaes dele(até mesmo os soldados romanos). Se existem espíritos ao nosso redor, eu precisaria vê-los. Então, acho que eu acreditaria em qualquer coisa…Até mesmo na tal "vida após a morte".
    E assim, se existir um céu, que exista então um inferno para todos os farsantes e os mercenários da fé, que só vivem para enganar quem tem "fé".

    • ...João......João...01-31-2014

      A vida ja é pré definida por voce mesmo antes do reencarne, você aprende com sua vidas passadas e pede para que deus lhe de a possibilidade de vivenciar as espiaçoes necessárias para o seu desenvolvimento espiritual. Se alguem sofre por algo em vida material, este sofrimento foi requisitado por voce mesmo antes de encarnar, para que lembrar algo e saber algo sendo que o que você precisa sentir e aprender é pelo fato de corrigir algo passado? Se soubéssemos de tudo nao aprenderíamos de verdade o que precisamos aprender.

      Eu nao cai neste site aleatoriamente a toa, assim como você também nao…. Talvez essa minha resposta nem chegue a voce, talvez seja para um futuro leitor. Quem sabe?

      Para que aprender sobre espiritismo, como é após a morte e afins, sendo que todos nós somos espíritos? Nos ja sabemos tudo isso, este conhecimento apenas ficou preso no céu do esquecimento ao encarnar…. Por isso digo a todos…. Devemos focar em nossas espiacoes e/ou missões nessa vida… Para de fato evoluirmos.

      Deus sabe o que faz, apenas confie.

  25. SelmaSelma01-21-2014

    Meu amigo,

    Vi tantas respostas, argumentos, conselhos, opiniões, indagações valiosas, fundadas e estruturadas embaixo deste texto medíocre o qual você teve o desperdício de tempo em postar, que nem acho necessário escrever a minha opinião a respeito. Seu texto é adolescente beirando a infantilidade, aliás, nem isso, o universo pueril se ocupa de coisas mais nobres que explicar (explicar?????) o que não sabe. Detalhe: não tenho religião, mas acredito que em uma vida só, não conseguiria encontrar a prova da inexistência. Por que uma coisa é fato: existem FATOS que a ciência não consegue explicar, coisas muitas entre o céu, a Terra e além..

  26. SelmaSelma01-21-2014

    Pior doque o nosso “escritor”, autor dessa verdadeira “obra prima”, é a tal Marie Louise… Kkkk… A sua última sentença te sentenciou minha flor… Aquela última pérola “… E outros SERES INFERIORES”, foi patética! A bonita acha que está olhando a todos de lá do Olimpo! Kkkkkkk No Olimpo vc provavelmente só lavaria o urinol do pessoal… Kkkkk até sei que este tipo de postura seria motivo de tristeza, tamanha a prepotência da pilombeta! Mas eu só consigo rir…! Kkkkkkk

  27. LucileneLucilene02-03-2014

    Eu fico muito feliz e dou graças a Deus por este irmão que fez esta postagem,pois através de sua descrença acabou expondo-se e desta forma os nossos amados amigos espirituais tiveram a oportunidade de mostrar a ele algumas verdades que ele poderá vir a acreditar,e eu creio que no momento em que ele leu os comentários aqui colocados ,com tantos conhecimentos ,os mentores que o acompanham quer ele acredite ou não ,já vão estar trabalhando nele ,acredite meu irmão "ateu "ainda teremos notícias de você ,postando sobre a sua abertura dos olhos diante do espiritismo ,que assim seja,e assim será ,Deus seja louvado !

  28. PereiraPereira02-14-2014

    Se este tipo de psicografia realmente funciona , porque o proprio o espirito de Chico chavier não e psicografado , e toda vez que alguem psicografa algum espirito dizendo ser de chico chavier logo e descartado por não saber o codigo que ele deixou como prova se e ele mesmo . e se aparecem espiritos falso se passando por ele quem garante que no casos de outras pessoas o espirito falso tambem aparece se passando pelo parente de alguem que ja morreu ?porem como não tem um codigo para conferir se realmente é quem diz ser, qualquer espirito falso engana facilmente . Então pense vocês mesmo e tire suas proprias conclusões.

  29. @psicopatt@psicopatt02-26-2014

    muitas coisas a 100 anos atrás não tinha explicação , não é verdade? e hj conseguimos explicar muitas dessas coisas, não pq hj essas coisas existem, elas sempre existiram, mas é que antigamente não se tinha os meios para certas explicaçoes, não é pq o espiritismo não tem uma prova mais concreta(material) que significa que seja mentira

  30. Ermiridio Salgado FilhoErmiridio Salgado Filho03-12-2014

    Eu não sou ateu nem crente. Explicando melhor, embora não siga os paradigmas de nenhuma religião eu acredito em Deus e espíritos.

    Seja como for é ridícula a conclusão de um ateu dizer que psicografia é uma fraude, pois Chico Xavier foi o único médium onde se obteve provas das autencidades de seus resultados. De boa, o ateu está tao obcecado em provar que tudo é uma fraude quanto um evangélico em provar que tudo sobre Jesus é uma farsa.

    Daí se origina a ignorância humana, o extremismo. Ao invés disso servir como um novo passo à evolução, sobre a humanidade passar a estudar mais sobre paranormalidade, etc. aparece gente que então desfaz isso tudo.

    Ou seja, de um lado existem crentes obcecados no que acreditam que não dão um passo e não saem do lugar, e no outro lado existem os ateus que só querem provar o óbvio e todo o restante ser uma farsa. Nesse vai e não vem a humanidade passa por pelo menos 5000 anos no mesmo lugar.

    E assim caminha a humanidade, sendo manipulada e com uma invejável ignorância como “combustível” inesgotável para isso.

  31. patriciapatricia04-01-2014

    Vamos respeitar a escolha de cada um,e uma vergonha as pessoas falarem mal das crenas das outras!!!!!!

    • EduardoSoaresEduardoSoares04-02-2014

      Não é vergonha nenhuma. Falar mal, criticar, denunciar e mesmo se posicionar contra é algo legítimo. Este seu tipo de posicionamento mostra o perigo de um religioso no poder: a censura. Pelos religiosos, ninguém pode falar mal da religião.

  32. SandraSandra04-13-2014

    "Para aqueles que têm fé, nenhuma explicação é necessária. Para aqueles sem fé, nenhuma explicação é possível." São Tomas de Aquino

  33. ManoloManolo04-13-2014

    A humildade está em saber que ninguém sabe nada, de fato. E que todos nós podemos estar errados em nossas crenças…. Ou seja, isso se aplica a mim mesmo, como cético. O caminho que as pessoas percorrem até acreditar em algo é único. Assim como pra deixar,de acreditar. Mas mesmo que haja algo após a morte, o que vale é viver essa vida da melhor forma e curtir os que ainda estão vivos. Pois amanhã alguns deles, ou nós mesmos, podemos não estar mais aqui.

  34. JorgeJorge05-02-2014

    Há mais de cem anos tentam desmoralizar ou desqualificar a psicografia.
    Quando faleceram, retornaram as casas espíritas procurando auxilio.
    Por quê? Deixaram de amar do ao próximo.
    Passaram a vida detratando, investigando o nada.

  35. Vicente JuniorVicente Junior07-15-2014

    Caro autor deste ótimo texto, meus parabéns!

    Suas palavras soam como um deleite aos meus ouvidos ateístas (usando linguagem de crente! kkkkkkkkkkkk).
    Pois é, meu amigo, vc nós vivemos num país de terceiro mundo onde a religião impera e atrasa o desenvolvimento da Nação. Mas, não devemos desistir! Quem sabe, um dia, essas pessoas que te atacam aqui, em vez de ir perder o seu tempo na igreja ou no centro espírita, busquem estudar e trabalhar para melhorar o nosso Brasil!

    Grande abraço.

    Vicente Junior.

  36. Vicente JuniorVicente Junior07-15-2014

    Quanta inocência destas pessoas que acreditam que o espiritismo é a salvação do mundo!
    Meus caros espíritas, se não sabem, o espiritismo só é bem conhecido aqui no Brasil e um pouco na França e outros pouquíssimos países.
    Um desafio: vão até os países do Oriente Médio dizer que são espíritas, vão! kkkkkkkkkkk

    Ah…e se disser que os muçulmanos não irão para o céu, sugiro, mais um vez, ir discutir com os mais de um bilhão de islâmicos!

Leave a Reply